quinta-feira, 31 de julho de 2014
Sobre o Território da Música
voltar à página inicial
Artistas de A a Z A B C D E F G H I J K L M N O P Q R S T U V W X Y Z #
Notícias
Agenda
Leia
Fotos
Promoções
Serviços
 
*publicado em 8/8/2012 - 13h46
Tulipa Ruiz: Tudo Tanto
Lizandra Pronin
Redação TDM
tamanho
da letra
Entre a MPB e o indie, a cantora Tulipa Ruiz encontrou seu lugar ao sol. E essa praia em "Tudo Tanto", o novo disco de Tulipa, tem direito a psicodelia tropicalista, riffs de guitarra e brincadeiras com a voz.

Filha do guitarrista, produtor e crítico musical Luiz Chagas, da Banda Isca de Polícia, Tulipa sempre esteve envolvida com a música. Mas começou a carreira de forma relativamente tardia, aos 30 anos. Ela foi uma das artistas que colocou suas músicas no hoje quase falecido MySpace e de repente se viu cheia de convites e fãs.

O disco de estreia, "Efêmera", saiu em 2010, e fez a cantora famosa levando-a a tocar inclusive fora do Brasil. É claro que toda essa exposição resultou em pressão e expectativa para o segundo álbum.

Com 11 canções que totalizam 44 minutos, "Tudo Tanto" é um passo adiante na carreira da cantora. Tulipa não ficou vivendo da inércia do sucesso do disco de estreia. Ela ousou, experimentou. E isso é um acerto mesmo se o resultado não for lá aquelas coisas. No caso de "Tudo Tanto", o resultado é ótimo.

Algumas canções são 'fáceis', por assim dizer, como "É", mas não são exatamente canções pop. Tulipa mostra mais. Quando abusa dos agudos, como em "Víbora", pode não agradar a todos - muitos se lembrarão de Tetê Espíndola nesse momento. O mesmo vale para os gritos a lá Yoko Ono de "Like This". Mas o desespero que a interpretação revela na primeira e o inusitado que choca na segunda criam a personalidade única da artista.

Essa interpretação, a forma como às vezes pronuncia os erres - nos versos "E deixa ela passar por sua goela / E transbordar da boca" de "Cada Voz", por exemplo - e a maneira como explora temas cotidianos mostram uma Tulipa livre.

O repertório tem muitos destaques. "Tudo Tanto" é o tipo de álbum que precisa ser ouvido muitas vezes e é provável que suas favoritas mudem depois de algumas boas audições. Agora, eu citaria "É", "Quando Eu Achar" e "Dois Cafés". Vale mencionar que esta última conta com vocais e guitarra de Lulu Santos. O disco, aliás, traz outras participações, entre elas: Mauricio Takara (Chocotones), Kassin, Gustavo Ruiz (seu irmão), Luiz Chagas (seu pai) e o rapper Criolo.

A cantora, que estreia como artista plástica em exposição de gravuras, liberou o download gratuito do segundo disco em seu site oficial. Tudo porque o álbum de estreia havia vazado e Tulipa achou um absurdo que a qualidade da versão pirata fosse tão ruim.

Ouça o álbum "Tudo Tanto":

01. É
02. Ok
03. Quando eu chegar
04. Like this
05. Desinibida
06. Script
07. Dois Cafés
08. Expectativa
09. Bom
10. Víbora
11. Cada voz
Avaliação:
Selo: Independente
Ano de lançamento: 2012
Artistas relacionados: Tulipa Ruiz
Avalie este lançamento
 
50,00%
 
50,00%
 
0%
 
0%
 
0%
Selecione a sua avaliação
e clique em votar.
* 2 votos registrados
Relacionadas
Relatar erros
 
ENQUETE
O que você espera para 2014?
Show do The Who no Brasil
Show do Van Halen no Brasil
O fim do serjanejo universitário
O fim do funk carioca
Todas as anteriores
Nenhuma das anteriores